Praça: o melhor lugar para se brincar



A gente que já foi criança sabe, praças e parque são sinônimos de diversão, muita risada, alguns arranhões e muita brincadeira. A pracinha, mais que do que possuir todo esse parque de diversão, potencializa o desenvolvimento motor das crianças com os seus balanços, escorregadores, gira-gira, árvores para subir e tantos outros brinquedos que são desafios motores para elas e que são trabalhados na melhor forma possível: brincando...


Além do aspecto motor, durante a interatividade da criança é também trabalhado o aspecto emocional da criança pois na pracinha ela irá lidar com sujeira, existem muitas crianças com dificuldade de lidar com isso; animais, sejam insetos ou cachorros, terá que enfrentar e verificar de que forma irá se relacionar com essa situação; e também trabalhar com o aspecto emocional da criança porque ela irá brincar com crianças de idades bem diferentes das dela e perfis diferentes do seu e isso fará com que elas aprendam a interagir, ajudando muito no seu processo de socialização com os outros e no seu controle emocional.


Gostou dessa dica? Para o professor Marcio Morais, se for para escolher um lugar para que a criança passe um dia inteiro com certeza será a pracinha!

Acompanhe nossos canais: 

Facebook.png
Instagram.png
You.png

Fale conosco:

Whatsapp.png
Email.png